sexta-feira, outubro 28, 2005

 

O ridículo!

O Ridículo...

Como já foi referido várias vezes neste blog, actualmente, na situação económica em que Portugal se encontra é contraproducente avançar com grandes obras como o TGV e o aeroporto da Ota.
A única excepção admitida seria a ligação Lisboa-Madrid, sem paragens.

Segundo o Público de hoje, a linha Lisboa-Porto, que o governo se prepara para apresentar terá somente 4 paragens. 4 paragens!!!??? Ota, Leiria, Aveiro, Porto.

A linha Lisboa-Madrid parará em Évora e Badajoz (haverá outras em Espanha?).

Estes projectos são ridículos, o TGV nunca atingirá a velocidade de cruzeiro, então para quê investir numa linha de TGV?

Qualquer pessoa sensata sabe que o TGV, teria de ser directo, quer de Lisboa-Madrid, quer Lisboa-Porto, isto para ter alguma viabilidade!

Comments:
Total acordo desenho apresentado: realista, necessário, desejável e possivel.
a)Quanto ao ministro e ao seu ar inteligente quando dá a cara pelo desastre da Ota:
«Crime»,disse Sousa Tavares, no Público.
«A iminência do desastre técnico e económico», disse o general da Força Aérea José krus Abecassis, conferência na Sociedade de Geografia (Dez03).
"Abyssus Abyssum Invocat", conclui o general engenheiro da FA Kol de Carvalho, após análise Ota e juntando o TGV lusitano.
In Boletim da AFAP, Set04.
Acabado ouvir SIC: 50 milhões (euros) em 2006, para estudos TGV.
Muito estuda esta gente.
De estudo em estudo, mais estudos e estudos, até ao chumbo final.No mínimo até ao desastre total.
Acabo ouvir SIC, 2006 com 50 milões euros para: «estudos TGV».
b) Reunidas as condições para que o PSD vote negativamente o OE. E possa ganhar o meu voto (pouco habitual)
 
Aliás, bastará ir ao Porto de Alfa para se perceber o porquê de o TGV nã ir dar resultado, pelo menos para já.

www.senatu.blogspot.com
 
Wonderful and informative web site. I used information from that site its great. »
 
Enviar um comentário

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?